Pesquisa feita pelo instituto NetPop a pedido do Google e que será divulgada no início de julho revela que os brasileiros têm intenção de fazer 4,4 viagens neste ano. Em 2008, essa média foi de 3,9 viagens.

A maior parte dos entrevistados pretende usar a internet para efetuar não apenas suas buscas de roteiros e preços, mas também para efetivar a compra de pacotes ou demais produtos turísticos (reserva de hotel, bilhetes aéreos, cruzeiros ou aluguel de veículos).

A pesquisa indica que a internet transformou-se na principal forma de venda do setor turístico. Hoje, 81% dos bilhetes aéreos emitidos no país já são adquiridos pela rede. Esse índice é de 72% para as reservas hoteleiras; 62% para aluguéis de carros; 60% para passagens de cruzeiros; 66% na compra de pacotes turísticos.

"As empresas despertaram para essa realidade e estão preocupadas em criar canais específicos para o atendimento on-line", diz Jorge Dib, diretor de negócios na área de Turismo do Google. "Algumas já nos procuram para criar projetos nessa área."

Para participar da pesquisa, realizada entre 3 e 12 de março de 2009, os 1.012 entrevistados tinham obrigatoriamente de ter comprado um produto de viagem nos últimos seis meses, pessoalmente ou pela internet.

A maior parte dos entrevistados (57%) tinha ensino superior completo e a renda média foi de R$ 6.358.

Cerca de 10% deles diz não ter tomado nenhuma decisão de compra sem consultar antes sua comunidade de amigos na internet.

As informações são de Guilherme Barros, da Folha de S.Paulo.

 

Anúncios