Para Francesco Morace, especialista em tendências futuras, País deve aproveitar o momento para se tornar protagonista global

Para enviar essa notícia é preciso efetuar o login, Aqui.

Jonas Furtado
08 de Outubro de 2009 às 19:40

A- A+

Palestrante único do painel que encerrou o último dia do MaxiMídia, o italiano Francesco Morace, presidente do instituto Future Concept Lab, afirmou que as tendências globais de comportamento caminham na direção do jeito de viver do brasileiro – o que resultará em oportunidades ímpares para as empresas do País.

"A sustentabilidade e a simplificação da vida serão grandes drivers do mercado internacional, assim como as relações pessoais e com o meio-ambiente", disse. "Por isso digo que hoje o Brasil está pleno e pode se tornar um protagonista global. Nos anos 90 isso não seria possível, porque havia outros valores estabelecidos como a ascensão profissional. Era um mundo mais anglo-saxônico".

Morace desenvolveu sua tese explicando as cinco grandes tendências do que ele chama de renascimento multiplayer – movimento pelo qual as novas tecnologias criam condições para o exercício da coletividade. São elas: a criatividade pública, a memória visionária, a emoção sustentável, a percepção virtuosa e a sensibilidade do corpo.

Para o italiano, as agências e empresas brasileiras têm a chance de desenvolver esses valores de uma forma original. "É preciso escolher a especificidade, partindo do DNA brasileiro, e acreditar que podem ter um papel internacional. Vocês são excepcionais no relacionamento humano e a comunicação no Brasil deve refletir esta realidade humana densa e múltipla."

http://www.mmonline.com.br/eventos/maximidia/2009/noticia/Tendencias_de_comportamento_caminham_na_direcao_do_Brasil

Anúncios