O Grupo Estado anuncia que investirá mais de R$ 50 milhões nos próximos dois anos em projetos de infraestrutura tecnológica, com o objetivo de "aperfeiçoar práticas internas, melhorar o atendimento aos leitores e anunciantes e preparar e aprimorar produtos, tanto na mídia impressa como na digital", segundo informa a Agência Estado.

Entre os novos projetos, está a criação de uma comunidade para pequenas e médias empresas, com base nas listas e guias da OESP Mídia, que será implementada durante o próximo ano.

Outra novidade é a digitalização do acervo, que busca preservar os 135 anos de jornalismo do Grupo Estado, em textos e imagens.

"Ainda estamos definindo o modelo de negócio, que provavelmente será misto – gratuito em algumas situações e pago em outras", diz o diretor-presidente do Grupo Estado, Silvio Genesini.

Fábio Costa, diretor de Estratégias Corporativas e Mercados Digitais do Grupo Estado, informa que devem ser lançados dez novos sites nos próximos meses. "Um dos objetivos dos investimentos é tornar nossa infraestrutura mais flexível, para podermos lançar produtos em um tempo menor", explica o executivo.

O Grupo também irá centralizar suas centrais de atendimento e buscar melhorar os sistemas de assinatura e publicidade.

"Também vamos implementar um novo CRM (sistema de relacionamento com clientes), que fará acompanhamento de vendas", conta Genesini. "Nós já começamos esse processo junto ao nosso mercado anunciante."

Em 2011, o sistema editorial (software usado na edição dos jornais) será atualizado.

http://ccsp.com.br/ultimas/noticia.php?id=47071

Anúncios