Por IDG News Service

Publicada em 28 de outubro de 2010 às 08h45

Rede social quer recuperar mercado – número de visitantes únicos caiu quase 20% – ao agregar conteúdo de portais e tornar serviço personalizável.

O MySpace mudou. Nesta quarta-feira (27/10), a rede social estreou interface e funções renovadas, que visam interromper o movimento de queda de visitas e fazer com que os usuários permaneçam mais tempo navegando pelas páginas do serviço.

A NewsCorp., empresa responsável pelo portal disse considerar a nova versão, ainda em estado beta, um marco, capaz de redefinir o MySpace como “o destinode entretenimento social da Geração Y” – faixa que inclui de adolescentes de 13 anos a jovens de 35.

Segundo o instituto de pesquisa comScore, ao comparar o dados de setembro deste ano ao mesmo mês de 2009, o número de visitantes únicos da rede social caiu 17% e o tempo médio por usuário está 42,6% menor. Os índices se tornam ainda mais insatisfatórios ao se observar que a quantidade de internautas no mundo cresceu 10% no período, e o tempo gasto na Internet aumentou em 3,1%.

Por enquanto, o novo MySpace não está disponível a todos os membros, o que deverá ocorrer até o fim de novembro. Os usuários que se cadastrarem a partir de hoje, no entanto, já contarão com as novidades.

As mudanças
Como recursos, foram adicionados hubs que unificam funções – vídeos, fotos, notícias – streamings personalizados – que exibem conteúdo de acordo com as preferências do usuário – e a “Discovery Tab” (Aba da descoberta), que mostra o que os amigos do usuário estão vendo no MySpace e o que é popular na rede.

Há também páginas que agregam material de veículos de mídia famosos, como MTV, Los Angeles Times, Access Hollywood e New York Times. Outra novidade é que alguns perfis passarão a ser recomendados; são os curadores, que, segundo o MySpace, têm reputação e conhecimento para influenciar muitos membros.

Quanto à nova interface, a NewsCorp. acredita que ela facilitará a procura por conteúdo na rede social. Agora, os internautas poderão escolher entre três diferentes modos de exibição: a tradicional lista, uma grade que simula uma revista, e uma que permite voltar e avançar nas atualizações, além de redimensioná-las para tela cheia.

Por último, a companhia avisou que, em breve, a versão móvel do site terá os novos recursos. A atualização dos aplicativos da rede social, para iPhone e Android, também chegará até o fim do ano.

(Mikael Ricknäs)

Anúncios